domingo, 5 de dezembro de 2010

Desabafo on...

Hoje não vou abordar nenhum tema polêmico, até porque me falta bastante vontade de pensar em outras coisas que não seja na minha vidinha pequena!

Voltei de viagem. E nada resolvi. Tem épocas que desejamos mudar de vida, de situação, de problema. É assim que me sinto nesses últimos meses, com vontade de trocar de problema, não quero mais esse que estou tendo que resolver sem saber como.

Sou decidida, sou determinada, não fico sentada esperando que nada caia do céu. Mas puta que pariu! Tem certas situações que as opções são tão ruins, pobres, insatisfatórias, que não há como não ficar indecisa, não há como não recuar em certos momentos, por medo de errar mais e mais. E eu odeeeeio recuar!! Odeio sentir que adiei algo, ou mesmo que desisti! Prefiro pagar o preço de uma tentativa errada, do que voltar atrás. Mas dessa vez retroceder me pareceu o mais adequado. Mesmo que isso tenha me destruído por dentro. Chorei durante toda a viagem de volta. E agora estou nessa sensação de ressaca total...

Algumas pessoas que leem meu blog sabe o que está acontecendo. Eu não vou abrir simplesmente porque eu sou chata mesmo, estranha, não gosto de consolo do tipo "Não fica assim, que tudo vai melhorar". E nem conselhos dos tipo faça isso, faça aquilo. Eu agradeço sempre a boa vontade de todos em ajudar, mas eu sou esquisita mesmo. Gosto de remoer fracassos, indecisões, situações difíceis, sozinha, ou com a opinião de poucas pessoas bem próximas...

Aí vão me perguntar? Então pra que você postou sobre esse assunto se não quer consolo, nem abrir o jogo, nem nada? E eu respondo: - Sei lá!! Eu tenho que ter respostas para tudo sempre? Claro que não! Me deu vontade de vir aqui vomitar tudo, ou quase tudo, ou só um pouco de tudo! Só vontade de fazer isso e nada mais. Deus lê meu blog, minha mente, meus pensamentos. Ele há de me ajudar a tomar a decisão certa na hora certa. Aparecerá o caminho certo a ser seguido!

No momento fica aqui só minha pausa de blogueira essa semana. Não dá pra tocar em assunto sério nenhum, no máximo publicar futilidades no outro blog, com o intuito mesmo de relaxar.

No momento não quero pensar, não quero decidir, não quero ponderar. De preferência me ausentar de mim, do jeito que eu puder...

55 comentários:

  1. Eu leio tudo até seus desabafos.

    ResponderExcluir
  2. O post, um desabafo, uma maneira de deixar sair um pouco dessa sensação angustiada que vc está sentindo.
    Eu te deixo é um forte abraço, oferecendo meu apoio e compreensão
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Dama

    bom tê-la de volta

    então faça isso..não faça nada...
    dê-se o direito de errar..todos erramos...tentar de novo...errar de novo...não fale nada..não é necessário..te entendo bem...
    e que os críticos se remoam de curiosidade...rsrs

    beijocas

    Loisane

    ResponderExcluir
  4. Uma vez aprendi com um desse imigrantes italianos que por acaso era mto sábio, mesmo sem ter sido doutor , e falo de meu avô que ''recuar não é desistir , é voltar e pegar o rumo certo'' mtas vezes recuar é traços de cautela , também não sou chegada em adiamnetos mas na vida tem hora pra tudo ate para recuarmos e voltarmos , e nesse exato momento estou começando a voltar depois de meses atrás ter recuado.... bjs

    ResponderExcluir
  5. Agora fiquei sem palavras rsrs não vou consolar nem dizer que vai passar, só te desejar uma semana melhor, ok?
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Adoro seus textos e até seus desabafos. Blog também serve pra isso, né, pra gente desabafar, por pra fora, parece que já ajuda a melhorar.

    Bjus

    ResponderExcluir
  7. É bom desabafar... só por desabafar...
    Fez muito bem.
    Tomara que sua semana seja mais proveitosa.
    Beijokas.

    ResponderExcluir
  8. "Não fica assim, que tudo vai melhorar"...

    Engraçado o meu bloguinho, é um descarrego, ne? Mas, tbm não faço questão desses tipos de palavras, muitas vezes eu só quero desabafar, para depois olhar pra trás e ver, aquilo já passou...
    Uma vez a Angela me disse, não somos só um post, e isso é verdade... muitas vezes fechamos a página e isso já está indo embora...

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Pra mim, a primeira função do blog é essa, desabafar!!
    Vamos ficar na esperança de tudo se resolver da melhor maneira possível, é o que podemos fazer...
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  10. Concordo com os comentários a respeito de desabafar.

    Sobre recuar, creio igualmente q há momentos na vida q temos q agir desta forma, é prudente tal atitude.

    Stalin recuava, depois atacava, e no final, vencia!

    Beijos, Dama

    ResponderExcluir
  11. Oi Dama, eu quando não sei o que fazer simplesmente não faço nada, deixo as coisas esfriarem e o barco navegar.
    Depois de um tempo a gente aprende que recuar não é desistir, é apenas escolher outros caminhos.
    Algumas portas se fecham mas outras se abrem e ainda tem as janelas né?
    Quantas vezes eu fiquei teimando com uma coisa achando que não devia desistir, mas depois percebi que podemos sim deixar de lado certas coisas e investir em outras, pois nem sempre persistir é sinal de força e coragem, as vezes é de burrice mesmo rsss
    Falo por mim, pois já passei a e ainda ando passando por poucas e boas.
    Quando vejo que a coisa não tá dando certo dou um tempo, depois faço um balanço dos prós e contras e se vejo que não vale a pena deixo pra lá, o importante é buscarmos áquilo que nos faz bem.
    Desejo que consiga o equilíbrio necessário e tenho certeza que vai saber como agir, você é guerreira!
    Beijos no coração!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Dama

    O que tenho pra comentar é que esse trecho aqui "Tem épocas que desejamos mudar de vida, de situação, de problema. É assim que me sinto nesses últimos meses, com vontade de trocar de problema, não quero mais esse que estou tendo que resolver sem saber como" cai direitinho pra mim. Ô vida chata!

    Um beijo pra você

    ResponderExcluir
  13. cara dama: antes ter que voltar alguns metros do que quilometros, ambos cansam, cansam antes até de começar a andar, a decisào de voltar já cansa!!! mas sempre penso, antes agora do que daqui a muito tempo, quando nao der mais, quando tudo que restar for ir em frente..., sabendo que nao é onde se quer chegar..
    bjocas e boa semana para vc

    ResponderExcluir
  14. Fale por falar, pq vc quer, e não necessariamente pq precisa de conselhos. Blog não é para desabafar? Então pode fazer qdo quiser, e estamos aqui para, também, aprender com os problemas alheios.
    Fica bem!

    ResponderExcluir
  15. Dama
    Escrever ajuda a olharmos o problema por outro ângulo, além de que desabafar alivia. Que você consiga achar a solução e que Deus lhe cubra de paz! Um abraço!

    ResponderExcluir
  16. Dama querida,

    Ainda que eu não saiba o que seja o fato, me identifiquei muito com o desabafo e lavou minha alma também. Entendo bem o que quer dizer entre aqui e acolá... ficar ou partir... escolher, decidir ou recuar... Que Deus abençoe nossos caminhos e ações.

    Beijos e uma excelente semana!

    ResponderExcluir
  17. Mulher, mulher,

    recuar as vezes é a própria decisão, continua fritando na cabeça, e escrevendo que uma hora a coisa acontece seja lá o que for, se não tiver solução é porque já está solucionado, e nessas horas para aceitar e entender só mesmo fritando os miolos e desabafando!

    Se cuida!

    Abço,

    ResponderExcluir
  18. Aqui é teu lugar de desabafo e você pode dizer e fazer o que quiser. Estamos apenas ouvindo.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  19. Dama um abraço apertado para momentos delicados!

    ResponderExcluir
  20. Está 100% no seu direito! As vezes, no fundo queremos mesmo isso, apenas desabafar... Ouvir o óbvio é um saco e desnecessário... Até porque você sabe o tamanho da sua coerência... É desabafo, e você pode, merece e pode isso.
    Um beijo no seu coração
    Juliana

    ResponderExcluir
  21. Dama

    duas coisas tenho em mente em momentos nebulosas, difíceis de resolver.

    Na dúvida NÃO faça,o universo resolvi por si só. Tem horas que o bicho pega,é nessas que temos que NÃO fazer nada e ver no que vai dar. A gente sempre tem a ilusão do controle sobre o estado das coisas. E não temos!

    Outra coisa, eu sou uma pessoa bem determinada,mas nada me impede de retroceder. Em alguns casos isto não é uma estratégia de retirada,mas de pura sabedoria.

    Fica bem viu? Qualquer coisa grita!

    bjão

    ResponderExcluir
  22. Amor,

    Eu te entendo, vamos que vamos Dama. E, como diria o nosso Robertão: e que tudo mais vá pro inferno!

    Estou aqui. Pro que der e vier.

    Beijíssimos

    Carla

    ResponderExcluir
  23. Pow!!!
    De novo?

    Que merda... mas, pode relatar que depois quero ouvir mais histórias sobre esses momentos!

    Bjo Grande!

    ResponderExcluir
  24. não tem problema não falar nada, adoro fazer isso tb...

    E as vezes as respostas vêm dessa forma, apenas qdo estamos divagando...

    Bjusss

    ResponderExcluir
  25. Comprrendo perfeitamente sua vontade de desabafar... eu mesma faço isso no blog tb muitas vezes.

    E pelo visto vc tb tá num momento q precisava pedir demissão da sua vida por algum tempinho né... tô meio assim... e a sensação de impotência é o q me mata.

    Enfim, bola pra frente e sejamos felizes.

    ResponderExcluir
  26. Se o blog que te pertence não servir pra desabafar...não sei pra que servirá!
    Ficarei aguardando notícias suas,e qd a ressaca acabar sei que vc estará se sentindo outra!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  27. Oi Dama!
    Tem hora que dá vontade de falar um bocado...de xingar só por xingar, e de contar só para alguém ouvir.
    Estou numa fase assim, só que eu queria respostas...que nem sei se alguém pode dar. Porém eu não posso nem falar...só quero trocar de problema também.
    beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  28. É isso aí, Dama!
    O blog é seu, você escreve o que quiser e quando quiser! Rá!

    Linda semana pra ti.
    Que tudo melhore e que a ausência de si lhe abra horizontes.

    :)

    ResponderExcluir
  29. As vezes é preciso perder-se entre nossos labirintos para sair de lá mais revigorado... Sigo-te!

    ResponderExcluir
  30. Dama, minha cara...vc pode dizer que não quer consolo, mas eu sei que um colo e um chamego te fariam bem nesse momento.

    Então, sem palaras de consolo...apenas sinta a abraço acolhedor, silencioso, de quem quer apenas confortar, sem saber do que se trata, sem pedir explicações. Vc sabe que qdo essa fase passar, vc terá as respostas.

    beijão e boa semana.

    ResponderExcluir
  31. Também fiz um desabafo. Tem dias que a gente desaba mesmo. Eu também desabei. Queria respostas, queria soluções... dizem para corrermos atrás das coisas que queremos mas percebo que nem sempre depende do nosso esforço. Desejo realizações para todos nós ! Fica bem, beijo !

    ResponderExcluir
  32. Olá Dama de Cinza,
    Adorei seu jeito de escrever, você é muito franca, sincera, hoje é a primeira vez que entrei em seu blog, de agora em diante vou entrar sempre para ler tudo, inclusive os posts antigos,que são muitos...
    Parabéns!!!
    beijãoooo
    Alessandra

    ResponderExcluir
  33. Conceda, Senhor, a serenidade necessária para a Dama aceitar as coisas que não pode modificar, coragem para modificar as que ela pode e sabedoria para distinguir uma da outra – vivendo um dia de cada vez, desfrutando um momento de cada vez, aceitando as dificuldades como um caminho para alcançar a paz, considerando o mundo pecador como ele é, e não como ela gostaria que ele fosse, confiando em Deus para endireitar todas as coisas para que ela possa ser moderadamente feliz nesta vida e sumamente feliz contigo na eternidade. Que assim seja.

    ResponderExcluir
  34. Seria muito chato se eu dissesse: Tá, eu entendo pelo que está passando...
    Bem, eu não sei o que é, e nem como está se sentindo. Pude apenas ter uma noção por meio do seu post.
    No entanto, quando eu não sei o que fazer, muitas vezes meu único anseio é fugir do meu próprio corpo, algo como ascender a existência...
    Mas não dá, né.
    E pra piorar, a ansiedade por não saber qual direção seguir acaba me perturbado cada vez mais. Portanto, não é tão anormal parar, por mais foda que seja, e por mais insuficiente que possamos nos sentir.
    Força na peruca, Dama.

    ResponderExcluir
  35. Dama,
    Continue desabafando. Isso alivia e muito os problemas. Viu quanta gente comentando sua boa iniciativa?
    Vou repetir o que uma pessoa aí de cima falou, e que é o conselho do meu pai nessas horas de desespero: na dúvida, não faça nada. Mesmo.
    E ademais, quem é que disse que se tem que ser forte, determinada, poderosa, sempre avançar o tempo todo? Vc é humana! Dê-se ao direito de se sentir assim e desabafar, poxa! Deus lê o seu blog (como vc bem disse) e te trará as soluções (como vc bem sabe). Nesse momento, sua auto-confiança te guiará melhor do que tudo. Fique bem. Um beijo, Karina.

    ResponderExcluir
  36. Dama,
    de vez em quando é bom a gente se ausentar da " gente".
    Todos temos o direito.
    Ah....sabe do que mais ?
    A vida resolve. Nada como o tempo...e blablabla...

    Beijos e boa semana !

    ResponderExcluir
  37. Dama, minha amiga, em muitas situações retroceder é o melhor que podemos fazer, e sempre que o fiz para avançar.
    Muitas vezes as opções não são as melhores, fazer o quê? Nessa horas vale o dito: muito calma nessa hora que o tempo ajuda a vermos a melhor opção, o caminho.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  38. Acho que td final de ano eu me sinto meio assim, remoendo as coisas que não foram e me questionando sobre como será o próximo ano.
    Qto ao desabafo, o blog é seu e ele serve como uma válvula de escape para seus sentimentos. Fiz um post assim dia desses porque estava com uita raiva entalada na garganta. Não sei se quem leu entendeu muito bem pq ñ citei nomes e falei nas entrelinhas, mas desceu redondo que foi uma maravilha. Ao fim, estava levinha, levinha, rsrsrs...

    Bjs

    Ps: tá sumida... Novidades?

    ResponderExcluir
  39. Olha, Dama,

    Nem se preocupa em justificar nada, sabe? Postou porque postou e acabou, o resto do mundo, se quiser entender entenda, se não quiser, viaja!

    Mas fala sério: tem hora que dá vontade de se fingir de frágil, só pra deitar num colo quente bem gostoso... Ah, que dá vontade, isso dá!! Só pra ficar ali, "sofrendo" carinhos...

    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  40. Oi, Dama!
    É bom desabafar. E eu entendo vc não querer contar nada... Eu tb sou assim... "estranha".

    É isso aí, relaxa e dá um tempo pra sua mente!

    Boa sorte na resolução do problema!

    Bjos

    ResponderExcluir
  41. Acho que não entendi... às vezes, quando o "mundo" gira muito em relação a nós, a ponto de ficarmos confusos, é sempre bom seguir o que nossa consciência sugere como mais correto, pois nesses casos "voltar" pode ser "seguir em frente".

    Pelo menos... é como eu penso.

    ResponderExcluir
  42. Humm..
    "Viver é foda, morrer é difícil"

    ResponderExcluir
  43. Amiga eu amo ler seu blog...até mesmo seus desabafos...afinal quem não tem problemas...quem não surta...boa sorte á vc.e que td.passe logo...beijos queridaa!!

    ResponderExcluir
  44. Dama querida,tem horas que so desabafar ja nos deixa melhor. Eu senti que era algo serio,mas nao quis perguntar muito dando uma de intrometida, se precisar de um ombro, pode contar comigo!
    Tava com saudades do seu cantinho, vou ver se daqui ha pouco passo no seu outro cantinho.
    Nao desanima nao minha Dama, que gracas a Deus a vida da voltas, mesmo que essa volta parece nunca acabar!!
    Beijocas e força!!
    Ahhh...quanto ao meu post,eu tambem preciso de um porto seguro....mesmo que ele seja descartavel..rs, graças a ele me reenergizo!!!

    ResponderExcluir
  45. Só lembra que o passado náo deve atrapalhar o futuro...
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  46. Oi menina!
    Já tem um tempo que não venho aqui e por isso não sei do que se trata. Mas como não quer consolo e conselho, eu só digo uma coisa: chuta tudo pro alto e manda praquele canto! Eu tb detesto recuar, mas muitas vezes é a saída mais inteligente! Portanto, sinta-se inteligente por ter tomado a decisão que tomou!!!
    Às vezes eu queria tirar férias de mim mesma! É como se eu tirasse férias de meus problemas ou trocasse-os, como você mencionou. Mas como é impossível, eu desabafo no blog mesmo... e quer saber: dá um alívio! Não que você vá ter alguma resposta aqui, mas só de compartilhar, já ajuda! E, como você disse, Deus lê nossos posts... ahahahha... eu sempre pensei isso!!! =P
    Um beijo enorme e tomara que você consiga esfriar a cabeça nessa semana de férias bloguística!

    ResponderExcluir
  47. Eu também detesto pendências!
    Prefiro resolver tudo... e logo!
    Nada do que eu disse vai melhorar... só posso dizer que te entendo completamente.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  48. É isso aí, aqui vc escreve o que desejar. Boa companhia aí de vc mesma,tá?
    Bjs!

    ResponderExcluir
  49. Eu também gosto de resolver minhas coisas de uma vez só para me arrepender ou não, detesto recuar e sou orgulhosa como o que para pedir ajuda... Embora minha atitude as vezes seja mais de contar para todo mundo em tom de piada do que de guardar para mim... Uma de minhas amigas uma vez me disse que eu parecia não ter problema pq sempre contava tudo rindo e fazendo piada... enfim, cada um lida com seus caos particulares de um jeito e esse é nosso direito...

    ResponderExcluir
  50. Cada vez q leio seus posts vejo como somos parecidas. Também odeio conselhos, compaixão, q me digam o q fazer e, pior ainda, q me consolem pq estou sozinha ... aff !!! De fato também ando sem paciência e sem vontade de escrever. Parece q descurti o blog, nem entro mais lá. Mas vou dar um tempo antes de decidir o q fazer com ele, de repente é só uma fase. Beijo, se cuida !!!

    ResponderExcluir
  51. primeira vez que venho em seu blog e ja me identifiquei com vc só por esse post. Tambem gosto de sofrer calado, acho que sou forte o bastante pra aguentar e lidar com meus proprios problemas.

    Supere isso e mova-se!

    abraços!

    ResponderExcluir
  52. Dama,
    É isso aí.
    Cada um sabe o que é melhor pra si.
    E Deus conhece seu coração.
    Te sonda a cada segundo da vida.

    Como não existe essa coisa de "conselho", que fique a lembrança de que tudo passa.
    E isso também passará!
    Gosto de pensar assim quando estou em crise, experimentando o vale.

    Bjim e paz.

    ResponderExcluir
  53. Ah! Eu desabafo sempre. E não estou nem aí para o que pensem. Os que gostam da gente sempre retornam e os que não gostam vão embora. E daí? É bom. Assim podemos dar mais atenção a quem nos dá atenção!

    Se a gente não puder falar do que quiser em nosso blog então nem vale a pena ter.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  54. Gostei de você. Você é tão estranha quanto eu. Que bom, não gosto de gente normal.

    ResponderExcluir

Eu sempre vou respeitar sua opinião, mesmo que não concorde com ela. Então, por favor, respeite a minha!

Comente com civilidade!

Se seu comentário foi recusado, certamente a explicação está aqui:

http://confissoes-femininas.blogspot.com/2011/07/comente-com-educacao.html