sexta-feira, 1 de maio de 2009

Não tenho me apaixonado!

Bem... Essa é a minha reflexão de férias. Sim! Hoje é meu primeiro dia de férias! Ebaaaaaa!

Não tenho me apaixonado e esse é um bloqueio que me persegue há alguns anos. Não tem nada a ver com ter me separado recentemente. Não me separei porque queria buscar alguém mais interessante, me separei porque não dava mais e isso acontece com muitos casais todos os dias...

Massss... Fica rodando na minha cabeça essa pergunta: Por que não me apaixono por ninguém? Por que os homens não tem me encantado o suficiente a esse ponto? Não creio que tenha culpados nessa história, apenas acontece desse jeito. Eu saio com os caras, acho super legal estar com eles, beijo muito na boca, mas o CLICK não acontece e eu volto pra casa achando que era só aquilo mesmo. Mas a Lei de Murph diz que quando você não quer compromisso, o compromisso te persegue, e alguns deles ficam me ligando. Acho que vou parar de dar o celular, só se achar realmente que algo aconteceu de diferente. Pior é que não prometo nada, não digo que adorei o cara nem nada, só fico. Como o ser humano é estranho! Quando eu corria igual uma doida atrás dos homens eles "cagavam na minha cabeça".

Sou a mais gostosa da mulheres? Claro que não, gente! Mas vocês sabem que quando se está na "pista" coisas rolam mesmo, independente de você ser linda ou não.

Bem... Estou entrando de férias e só penso em fazer umas duas viagens (pequenas), resolver pendências, fazer atividades fora da rotina, beijar muuuuuito na boca, beber cerveja, e estragar minha saúde fumando (mas só quando bebo)... eheheh... Não estou desgostosa, não, gente! Nem sei se escrever isso aqui é uma boa idéia, porque não sei se o pessoal vai entender na totalidade o que quero dizer.

Estou bem, feliz pelas férias, entusiasmada com minha vida nova, mas me preocupa essa minha frieza diante de um novo relacionamento. Porém tem um lado bom de estar sozinha nesse momento, minha vida sexual tá dando uma renovada e disso estou gostando muuuito... ehehe

Existe uma divisão dentro de mim. Um lado meu adoraria se apaixonar. Outro detesta essa idéia, porque gosto de ter a minha liberdade, de ficar com quem quiser sem ter que dar satisfação se o relacionamento é aberto, fechado etc. Quero apenas poder viver, sem ter que carregar o peso de uma relação. Ao mesmo tempo, lá dentro da gente, sempre fica aquela vontadezinha que alguém mexa com nossos sentimentos.

Afinal! Atire a primeira pedra aquele que não quer se apaixonar e ser correspondido! eheheh

52 comentários:

  1. tbm faz tempoooooooooooooo que não me apaixono....nem me lembro por quem me apaixonei pela última vez.è bom senti um frio na barriga.

    ResponderExcluir
  2. Rapaz, eu sinto medo de amar novamente, porque tenho medo que isso estrague os meus planos, ainda sim sinto necessidade de ter alguém ao meu lado.
    Eu entendo você porque até os 16 anos de idade nunca havia sentido algo além de amizade por uma pessoa, e essa minha "frieza " me deixava incomodado, mas sei lá, na hora que tiver de acontecer vai acontecer. Eu aprendi a esperara e ter paciência.
    Férias? Que bacana. Espero que não abandone o blog enquan estiver em suas viagens. Aproveite para fazer trilhas e entrar em contato com a natureza. É uma ica que eu dou. : D

    ResponderExcluir
  3. ahh paixões..e bom demais....srs eu tenho as minhas..as vezes platonicas que eu acho tediante...srspois na maioria das vezes naum se concretizam... e as reais não são tão intensas quanto aquelas que fica no nosso pensar... xeroo fofix!

    ResponderExcluir
  4. Graças!! Pensei que só eu estava padecendo desse "mal".. Já estava chegando a conclusão que era uma ET.
    Um poeta cantou certa vez
    "Amar demais até parece mal
    Mas nenhum outro mal me faz tão bem!!! "
    Não sei, mas acho que tá na hora de começar a sentir esse mal...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Acho que entendo o que vc quer dizer, estou numa fase quase assim, a diferença é que estou apaixonada, mas sem o peso de querer ser correspondida, apenas curtindo demais o momento inusitado que tem me libertado um bocado.
    Bjos.

    Adorei seu cantinho.

    ResponderExcluir
  6. Não sei porque, algo me diz que nestas férias vc terá um grande amor! (Pai Francisco de Oxalá)
    O beijão de sempre!

    ResponderExcluir
  7. Tb passei por um periodo assim,...todas pareciam tão, tão,...desinteressantes,...
    Conselho? Espera que uma hora toca os sinos,...
    Inté

    ResponderExcluir
  8. Olha, como você disse, não há culpados.
    Talvez você esteja se perguntando o porque de não se apaixonar por pura curiosidade mesmo. Provavelmente você não está sentindo necessidade de que isso aconteça.
    E pra mim é normal.

    Olha, se divirta, leve sua saúde pro brejo sempre que achar necessário, o negócio mesmo é estar feliz. Hahaha

    Beeeeijo! E ótimas férias pra você.

    ResponderExcluir
  9. É realmente uma delícia se apaixonar...comigo acontece o contrário: me apaixono quase que semanalmente...confesso que queria algo mais duradouro...acho que vai chegar...
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Existem momentos em que quero me apaixonar, outros que sou tão frio que acho que a paixao nao existe, outros tão apaixonantes que vivo me ferrando, outros sem graça e outros de pura curtição... Em que momento estou? Em todos eles......

    Beijoooooooo!

    ResponderExcluir
  11. Digo o mesmo, me sinto vazia, não tem ninguém que mexa comigo, ninguém que eu pense que eu queira do lado... não sei o quanto isso é bom ou ruim. Por outro lado, gostar de alguém sempre me trouxe preocupações, não tive, ainda, um relacionamento saudável com alguém. Sempre tive certos problemas que estragavam a parte boa, então, pelo menos vazia eu não me estresso e vivo tranquila. O incômodo de não ter ninguém talvez seja menor do que o de ter alguém...
    Bjos e boas férias! Aproveita!

    ResponderExcluir
  12. Onde que eu assino?
    .
    Ótimas férias procê!


    :**

    ResponderExcluir
  13. O fluir da vida pode trazer
    furacões, terremotos e outras calamidades,
    mas, quando o Amor existe,
    atravessamos todas elas
    com um sentimento de invulnerabilidade.

    bom fim de senana
    um beijo

    ResponderExcluir
  14. Acho que estou mais ou menos assim que nem você, mas existe um 'criaturo' do qual não consigo me desligar totalmente. Eu quero um namorado, mas também não acontece o click com nenhum cara com quem fico. Acho que criei um certo bloqueio depois de tantas decepções. Mas, como você disse, "Atire a primeira pedra aquele que não quer se apaixonar e ser correspondido". Pra se apaixonar ser uma coisa boa, é preciso ser correspondida. Qual a graça de se apaixonar e o outro não estar nem aí pra você? Eu pelo menos não vejo a mínima...

    Ótimas férias pra você! Descanse do stress e divirta-se horrores!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Férias... ai que inveja!! hehehehe!!
    Mas não posso fazer coro com vc, eu me ainda apaixono toda hora, mesmo que seja por um ou dois dias...
    Mas a idéia de liberdade ainda é mais atraente, não sei se seria capaz de lidar com a paixão dos outros, com a minha eu sei que sei lidar!!
    Ótimas férias para vc linda!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  16. A paixão que vc procura,é aquela que não vai passar tão rápido, por isso é tão demorado.
    Um dia me apaixonei por um boyzinho, novinho, e decidi que ia terminar com ele pois tinha certeza que o relacionamento não ia durar muito.Mas ele estava Tão gostosinho, que resolvi terminar no outro dia, queria aproveitar mais um pouco.No outro dia, foi a mesma coisa,nos próximos dias também, até hoje, doze anos depois....
    Aproveite bem as férias!

    ResponderExcluir
  17. paixão é um trem muito estranho, Dama! rs

    ResponderExcluir
  18. Primeiramente...
    Sobre seu último comentário.
    ...
    Acredita que eu fico meio fulo da vida com coisas assim.

    Como pode uma garota nunca ter recebido flores????

    Isso para mim é revoltante.

    É como uma criança que nunca teve um brinquedo.

    Sei lá... nem sei como comparar.

    Me manda seu e-mail pessoal (aquele que vc acessa sempre...) que eu quero te questionar algo...

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  19. Bom... vc está de férias.

    Não consegue se apaixonar (e uma metade sua quer).

    E eu fico com o meu alerta de oportunidades ligado...

    (estou quase te convidando para vir conhecer Aracaju...)

    Mas acho que vc não deveria se preocupar. Tudo acontece de uma forma natural

    (Vc e eu, um barzinho na orla de Aracaju, etc etc etc...)

    Agora sem brincadeiras: só metade sua quer se apaixonar. Logo, esses processos de empatia levam mais tempo. O que é até bom, pois lhe permite ser mais criteriosa.

    Não encuca com isso. Aproveita as férias (Aracaju te espera...) e deixa para pensar nisso mais frente... quando 99% de seu ser pedir por um amor.

    Aí acontece.

    bjinhos

    ResponderExcluir
  20. Acho que todos desejamos, mas por alguma razão tememos...Talvez porque de alguma forma sempre há dor.

    Beijos e se permita viver.

    ResponderExcluir
  21. Affff.. é meu sonho, me apaixonar e ser correspondida de verdade, ams acho que não nasci pra esses lances da amor, paixão, etc...

    bjs!

    e que bom que você voltou!!!!

    ResponderExcluir
  22. Dama, eu sou como vc. Tb tenho dificuldade em me apaixonar e mesmo qdo acontece, só dura uns dois dias rs Mas fica tranquila! Sabe o q eu penso?? Q a minha vida de solteira é maravilhosa e q é bom q eu a curta mto pra qdo me apaixonar por alguém, saber q eu vivi mto e estar preparada para ter outras vivências tb. Vai acontecer qdo tiver q acontecer e existe um propósito pras coisas acontecerem num determinado momento e não em outro. Depois de ter se livrado daquele traste, vc enfim tem uma ótima oportunidade pra viver a vida com extrema liberdade, do jeito que quiser. Aproveite isso. E, realmente, não dê celular para os desclassificados (aqueles q a gente pega, mas não se apega). Have fun!!!! :)) Beijos

    ResponderExcluir
  23. Paixão é estado de espírito. Use teu lado da paixão, use e abuse. E aproveite o outro lado pra qdo. tiver que se separar. Vc é a tua própria balança.rs.
    Beijos e um ótimo final de semana.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  24. MINHA SINGELA DAMA DAS CINZAS.

    Eu jamais atiraria a primeira, nem a segunda e muito meos a teceira pedra.

    Concordo plenamente, com sua filosofia e espero que você guarde esta frase que eu decorei e gosto muito de usar a toda hora.

    Ela é uma espécie de carro-chefe dos meus diálogos e seve para tud, mas ser´dita de todo coração, só para você:

    -O que pra a lagarta é o fim do mundo, para a borboleta é o s nascimento.

    ResponderExcluir
  25. Muita identificação com seu post. Como eu a entendo...!!! Boas férias! Beijo grande!

    ResponderExcluir
  26. É a velha questão que inquieta a humanidade. Aguentar a perda da liberdade em prol de sentimento e companheirismo? Ou ter uma vida livre e sexualmente diversificada, mas com momentos solitários?

    Seja qual for a sua escolha, em algum momento vc vai achar que devia ter escolhido diferente, é sempre assim.

    Sugiro que vc continue deixando a vida te levar. Aproveita bem o período e vai levando a vida assim até sentir falta do compromisso. Mais dia, menos dia, isso vai acontecer.

    Boa sorte, bjs e, não esqueça, estamos devendo um chope!

    ResponderExcluir
  27. Ahh mas é claro q eu quero me apaixonar e ser correspondida... mas toda vez q eu acho q tou curtindo alguém eu largo mão disso tudo, ou o cara me larga mesmo, e eu volto a vida bela de solteira, rs!
    Pode ter certeza que aqui alguém te compreende muito bem.
    Boas férias!

    ResponderExcluir
  28. Essas coisas são tão pessoais que fica difícil dizer o que quer que seja, para não se dizer sobre o que pouco ou nada se sabe.
    Viva, ame e não tenha medo.
    beijão

    ResponderExcluir
  29. Vc se apaixona qnd menos espera, foi assim cgm, e acho que é assim com todos,há dois anos atrás eu tbm estava assim, tinha terminado um noivado de três anos e não conseguia me apaixonar por ngm, acabei me apaixonando por uma pessoa que cmg e foi meio que inesperado, e hj estamos juntos há 2 anos...
    beijos

    ResponderExcluir
  30. Pois é, como vc taí, sem querer, quando se der conta, a paixão bate. Se estivesse procurando, ae que ela não apareceria, hahahaha Linda, ainda não te disse isso, mas foi ótimo estar com vc no Mentes durante esse tempinho. Adoro vc, seu jeito e a forma como escreve. Vai fazer falta. Mas, a amizade permanece. Conte comigo sempre! Bjos mil

    ResponderExcluir
  31. eu tbm keru me apaixonar...¬¬

    ResponderExcluir
  32. Para mim sinceramente, você nunca esteve tão bem!!! E quando isso aocntece, a paixão vem, pode esperar! Afinal ela aparece quando menos esperamos, certo???? Boas férias e aroveite MUIIIIIIIITOOOOOO!!!! Beijão!!!!

    ResponderExcluir
  33. Sofremos do mesmo mal... Puta que pariu. É bom e ruim.
    Quem sabe um dia bebado, tenha uma noite daquelas com uma mulher também com alto estado etílico e acordemos apaixonadíssimos...
    É uma hipotese...rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  34. Não sou bom pra dar conselhos ou sugestões, dama cinzenta, ainda mais nessa área aí em que você é especialista e eu um mero neófito!
    Mas, de férias, de não fazer nada, de ficar de papo pro alto, disso eu entendo hehehe!!!
    Não conheço nada melhor do que férias! Ainda mais se restam alguns trocados em nosso bolso!
    Bjoooooooooossssssssss!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  35. Oiee Damaaa!!
    Como está??? Ô pergunta besta né,.... acabei de ler que está bem ... pelo menos percebi isso ehehe e de férias!
    Mas enfim, é aquela coisa talvez seja normal este tipo de questionamento, seja pq vc saiu de uma relação recentemente seja para quem está NO MEIO de uma relação... ou seja esta sua frase 'pq tenho me apaixonado' me soou como uma pergunta, pq no meu caso estou apaixonado. Antes de estar apaixonado, me perguntava 'pq AINDA estou apaixonado?' afinal de contas a relação anterior não terminou bem..e por ai vai... ehehe
    Bom... queria era pedir desculpas a Vc pelo sumiço. Tava pensando... tenh pedido tanto pra trabalhar que ELE tem me ouvido eheheh bastante! To ausente dos blogs, apenas trabalhando e muito!
    Mas to bem. E com saudade!!!
    Te quero mto bem amiga maior, mais alta e importante!
    Um beijo e td de melhor pra vc!!!^^

    ResponderExcluir
  36. Não há nada que se compare ao amor de verdade, à paixão de querer ter sempre a mesma pessoa todos os dias, à companhia em dias frios e tristes...

    Nem a liberdade supera essa alegria de sentir-se completa, e de sentir-se a mais gostosa e linda das mulheres, sim, porque o amor faz isso e muito mais...

    Bjo, Dama!

    ResponderExcluir
  37. Tenho a impressão que o passar dos anos nos deixa menos apaixonáveis... não sei se é assim mesmo, mas lembro que me apaixonava com uma facilidade impressionante quando era adolescente... hoje em dia, é bem mais difícil... na verdade, no meu caso, o fato de estar casado me leva a estar constantemente ligado a uma única pessoa e isso cria, naturalmente, um bloqueio prévio contra novas paixões, não que elas não possam acontecer, mas que fica bem mais difícil.

    Valeu!

    ResponderExcluir
  38. Dama,
    sou uma pessoa difícil de me apaixonar.
    Acho até que nunca amei de verdade.
    Não sei se por minha culpa ou culpa do outro que não correspondeu as minhas expectativas ( tem disso...bom post pra vc..rsrrsr)
    Apaixonar-se é dificil. Atualmente então, piorou. ( risos )
    Vontade de me apaixonar ?
    Claro que tenho. O problema é me apaixonar.
    Não sou uma pessoa romântica, sonhadora....e aí complica mais ainda.
    Quem sabe um dia não acontece ?
    Não procuro.
    Sem procurar, já encontrei, ao invés de paixao, muita dor de cabeça, então fico quieta no meu canto.
    Acho que a gente inventa mais paixão do que se apaixona realmente...
    Sei lá...
    O questionamento é bom.
    Curta bem suas férias e sabe do que mais ?
    Apaixone-se pela vida !
    Beijão !

    ResponderExcluir
  39. É verdade, é complicado! Esses malditos hormonios masculinos... Rs,.

    ResponderExcluir
  40. Certas coisas acontecem de uma hora pra outra, quando menos se imagina, quando nem se espera.

    Ah, eu tbm queria viagam, por mais perto que fosse o lugar.
    Curta bastante as suas férias. Quem sabe se elas podem até te trazer algo especial...

    Beijo!

    ResponderExcluir
  41. Eu acho que as coisas acontecem quando menos esperamos por elas... nos lugares menos comuns.

    E sinceramente? N experimenta muito homem não! Tu vai cansar deles mulher... to avisando, o que é demais enjoa... dá tréguas, curte algum espaço, cria uma vontade mais forte, guarda-te um pouco para algo mais especial... bem quem sabe ai novos horizontes de tragam surpresas!

    :)

    Hey, Não to dando conselho, pura opinião de quem acha que na realidade tu já sabes a lição toda... ehehe

    Beijão linda e tudo de bom nessas férias!

    ResponderExcluir
  42. Eu tava beirando a loucura da paixonite aguda, mas consegui colocar o trem no lugar.

    ResponderExcluir
  43. " A glória da amizade não é a mão estendida, o sorriso carinhoso e a delícia da companhia. É a inspiração espiritual que vem quando descobre que alguém acredita e confia em você ".
    Um beijo
    "MY ANGEL"

    ResponderExcluir
  44. Odeio quando você some com teus comentários maravilhosos...

    É, relacionamento é complicado Dama, mas sei lá... acho que cada um é cada um. Eu sinceramente me vejo com uma cabeça boa, inclusive pra casar, porque odeio que me prendam, logo, sou do tipo que dá liberdade... Mas, cada um pe cada um, e cada par é um par. Separou agora, continue curtindo então... Eu to meio cagado de urubu, nem curtir eu tenho conseguido

    Beijoca

    ResponderExcluir
  45. Olá Querida Dama!
    Estou super feliz com sua volta, nem sabe quanto...como fiquei meio ausente por 'n' motivos, como sempre vou lendo tudo que escreveu até agora e respondendo...adoro fazer isso aqui no seu espaço, se fosse outro, leria apenas o último post.
    Sobre o texto que fala que devemos ser inteiros e não frações românticas a busca da princesa para ser salva eu digo o seguinte: já tinha lido o texto, adorei a princípio, pensei que realmente era aquilo, e de certa forma, muito coisa é assim, cada um é uma pessoa inteira, e não deve depender de outra, fica sozinho realmente não é vergonha, mas...(sempre tem um mas), eu em uma dessas conversas consigo mesmo que o próprio texto sugere que façamos, descobri que não sou pessoa que goste de ficar sozinho - e aqui não me refiro apenas a relacionamentos afetivos - não gosto da solidão, você bem sabe porque já falei diversas vezes por aqui. É complicado, não acho que devemos se dependentes de outrem, qualquer que seja, mas quem não gosta de um carinho, de uma ajuda, porque fazer sozinho o que se pode fazer a dois, mais rápido e até mais eficiente...porque as vezes não querer tudo na mão, daquela pessoa que admira você, que te ama? E porque não dar tudo nas mãos, ajudar aquela que você ama? Porque não ser romântico ao jeito antigo e cafona (segundo o texto rsrs)? As vezes isso faz bem. Não podemos é fazer isso SEMPRE e enraizar ainda mais esses costumes de dependência por qualquer um que seja. Acho importante a individualidade. É tudo muito complicado, porque como o texto diz, nós inventamos a outra pessoa e, claro!, sempre nos decepcionamos, o ideal é como o texto diz, termos uma companheira de viagem, sem maiores estresses, e será que conseguimos isso? Acho que na base de muita tolerância e uma boa conversa seguida de respeito, confiança mútua,amizade e carinho sim. Mesmo assim não é fácil. Ainda assim sou daqueles que acreditam que uam hora tudo fecha, os dois pensam na mesma linha...porque onde complica é quando um não corresponde o outro ou o que o outro imagina.
    Quanto ao vídeo de superação, é muito bom mesmo...acho que todos temos mesmo uma força maior em certas horas...as vezes pensamos que estamos perdidos, e nessas hora eu penso: não tenho o que fazer, vou fazer o que? E então temos que continuar bem ou mal...aí que vemos que temos forças para superar o que quer que seja.
    Esse de mulher não poder sair sozinha para mim não existe, e a explicaçaõ está no velho e enraizado machismo (que as próprias mães (mulheres) passam aos filhos e filhas). Porque uma mulher sentada num bar é 'encalhadada' , não tem o que fazer, ou é piranha. E um homem, é o que?
    O que se pode fazer para melhorar isso é ir quebrando os paradigmas...para um dia, quem sabe, não se pensar masi assim!
    Bom, só li o primeiro parágrado e escrevi isso, antes mesmo de ler o resto, mas para variar, minha opinião foi de encontro a sua...rsrs.
    É mesmo saiam! E 'pelamordedeus' não fiquem em casa trancadas assistindo caminho das índias...credo!
    Férias é? Que maravilha, aproveite o máximo, curta tudo o que puder e o que não puder também...quanto à lei de Murphy...nem vou comentar...é infalível...
    Mas ah...pelo jeito tu tá curtindo muito...bom por enquanto curta isso, e se o 'click' não vier, daí você pensa mais no assunto! Afinal pela lei do maldito Murphy quando não estamos nem aí é que aparece algo!
    Bjoks!

    Fábio.

    ResponderExcluir
  46. Realmente, amar, se relacionar, é um dilema. É o bom e o ruim potencializado. O que é bom em unidade é muito melhor em dupla, e o que é ruim é unidade, é pior ainda em dupla. Enfim, há que ter sempre coragem, audácia, vontade, pois só isso constrói o famigerado amor.
    Pessoalmente, quando estou solteira fico ótima. Acessível a tudo e todos. Porém quando acho por bem me relacionar, sou íntegra e satisfeita. Aliás, assim estou no momento, e recomendo.

    ResponderExcluir
  47. Quem sabe o seu coração quer uma pausa? O amor aparece de repente...

    Qt ao texto anterior, não sei onde vc tirou que uma mulher não pode sair sozinha.Eu sempre sai sozinha e mesmo há décadas.Que se danem!A primeira vez eu tinha 14 anos, nos anos sessenta para ir ao Cine Metrópole em Belo Horizonte para ver o filme Saudades de um pracinha com Elvis.
    Eu me lembro que aos 19 resolvi tomar um shop em um barzinho chamado Saci e fui sozinha.Custei a entender porque todos os homens me encaravam .Os homens não suportam mulheres livres e fazem de tudo para pressionar e nos manter dentro de casa.Não se dê por vencida!

    ResponderExcluir
  48. Ai a paixão...
    Tinha tempos que eu não me apaixonava, não sentia todo aquele processo químico que a paixão provoca em nosso corpo!!!
    Masss.... acho que ainda não foi pela pessoa certa!
    Uma hora aparece uma paixão que dure mais q 72 copulas!!! rs rs rs rs
    Bem...confesso que ao acabar tbm recentemente um relacionamento movido a uma paixão louca...
    Sinto o profundo vazio que uma paixão pode deixar!!
    Mas vazio esse que apenas da lugar a próxima, mas quando ela virá?!!?!
    Isso so o destino pode contar!!!!
    Mas ela chega!
    Gde bjo!

    ResponderExcluir
  49. Bem-vinda ao clube, querida...
    Aproveite enquanto vc não se apaixona, pq qdo isso ocorrer, vc vai viver a fase da bobeira, vai ficar babona, falar igual nenê com seu amado (ti lindu... gotoso...e por aí vai)
    E depois de um tempo, ele vai te encher o saco e começa tudo de novo.
    C'est la vie!

    ResponderExcluir
  50. Pensei, durante certo tempo, que seria uma mulher bem-resolvida sozinha. Tentei e muito não ceder a tentações (mais sexuais do que emotivas, de fato). Porém, devagarzinho, ele foi me conquistando...
    Torço para que isso aconteça contigo também, pois acredito, sim, que se apaixonar faz bem a saúde!

    (Em face do meu carinho por suas sensações e emoções, oferto-te meu selinho. Receba-o como reconhecimento.)

    ResponderExcluir
  51. Eu pago Dama... se você fizer todo o cenário...rs

    Desejo é o que não vai faltar!!



    Dexô fala... Encontro de blogueiros do RJ. Topa?? me ajuda nisso?

    ResponderExcluir
  52. Adorei o texto , sabe querida hoje estava precisando ler algo assim e ver tantos comentários de pessoas que sentem a mesma coisa que eu !
    Tava me sentindo fria demais !

    Beijos adoru seus textos

    ResponderExcluir

Eu sempre vou respeitar sua opinião, mesmo que não concorde com ela. Então, por favor, respeite a minha!

Comente com civilidade!

Se seu comentário foi recusado, certamente a explicação está aqui:

http://confissoes-femininas.blogspot.com/2011/07/comente-com-educacao.html