sábado, 4 de outubro de 2008

Voto facultativo é a solução!

Nessas e em todas as eleições não deveríamos ter que votar no menos pior. Votar por eliminação é algo entristecedor. Voto deveria ser consciente, só para quem quisesse votar, acompanhar o desempenho de seu candidato eleito. Porque na verdade quem acaba elegendo essa corja que está aí e faz carreira na política é o povão sem muita consciência, que vota no mais engraçado, no artista que gosta, no mais bonito, na mulher que tem a bunda maior, uma legião de pessoas despreparadas para dirigir nosso país.

Interessante observar que no Brasil, para qualquer cargo que não precisa de tanta qualificação, pede-se curso superior para o candidato, já os nossos candidatos nas eleições, só precisam saber escrever uns garranchos e pode ser doente mental também. O importante é que eles tenham participado do BBB, ou seja um artista qualquer, os engraçados têm grandes chances e bonitos(as) também servem... Nojento tudo isso!!!

Todos os candidatos que tiveram o meu voto até hoje, só me decepcionaram muito! Dessa vez meu voto vai ser em branco! Já que não posso me recusar a ir votar!

No mundo tem 232 países, desses, 205 o voto é facultativo e 24 obrigatório. Vou deixar o link para que vocês confiram que tipo de país está no facultativo e quais estão no obrigatório. Tirem suas conclusões:


Movimento voto livre


Gente!!! Podem clicar no link, não dói, não dá acne, câncer, não transmite AIDS, nem faz cair os dedos! Ahhh e também não vai levar mais que alguns segundos! No post passado percebi que só porque tinha um link apontando para uma outra página, dos meus últimos post, foi o que menos pessoas comentaram, apesar de ter tido bastante(38 comentários). Será que o assunto era chato? Será que não tinham nada a acrescentar? Só atentei para a questão do link porque algumas pessoas entraram no meu blog nesse período e comentavam os posts anteriores e ignoravam o último. De qualquer maneira fica o aviso, clicar em links não faz mal à saúde e nem faz você perder horas preciosas de sua vida!

Agradeço a todos que gentilmente perderam segundos valiosos de suas vidas clicando no link!

35 comentários:

  1. OI Dama,desta vez nem comento,de politica só falo a do meu Pais.
    Boa escolha de voto e caso se abstenha que seja conscientemente
    Por isso bom fim de semana
    E aquele abraço do tamanho do mundo

    ResponderExcluir
  2. Sim...eu tenho 17 anos e posso optar por votar ou não. Optei por não votar. É um direito me abster do meu direito. ;)

    E, sei lá, minha intenção naquele post nem foi falar de liberdade. Mas falar de alguma coisa que é mais do isso, sabe?


    Beijão e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. Eu escolheria votar. Sempre escolhi votar. Nunca votei nulo ou branco e fiz questão de fazer meu titulo antes mesmo de completar 16 anos. (eu aniversáriava em maio entao eu podia, para votar em outubro)

    E sabe... tenho um pouco de preguiça em clicar em links... hehehehe

    nao sei o porque.. mas sempre tenho! beijois

    ResponderExcluir
  4. O Dama, valeu a visita. Post quentinho...

    Mas só uma dica, se não confia em ninguém e não sabe em quem votar, no meu novo post coloquei a diferença entre BRANCO E NULO!

    E que seja o que Deus quiser... (nem sei se é legal Deus ser responsável por tamanha palhaçada política onde o maior cara de pau ganha as eleições!)

    BJOK querida

    ResponderExcluir
  5. Ter que votar no menos pior é deprimente mesmo, ainda mais porque não confio nem nele. Sabemos que vai continuar tudo mesma porcaria votando em qualquer um, no máximo um pouquinho menos pior. Eu não voto em branco ou nulo porque em uma dessas opções (não lembro qual) o seu voto vai pro candidato que tiver ganhando! Senão eu votava em branco também.

    Vamos lá perder tempo amanhã!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Ps: Parece mesmo que as pessoas têm medo dos links né. Sempre que eu ponho algum link nos meus posts, as pessoas ignoram hahaha

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post, li com gosto!

    Destaque para o trecho: "Interessante observar que no Brasil, para qualquer cargo que não precisa de tanta qualificação, pede-se curso superior para o candidato, já os nossos candidatos nas eleições, só precisam saber escrever uns garranchos(...)"

    Coloquei no meu blog juntamente, é claro, com os seus créditos e linkei também o teu blog.

    Eu vou justificar pois votava em MG e estou morando no RJ, agora.

    Bom domingo pra vc!

    Beijos
    Obrigada pela visita!
    Liquidificadorizando.

    ResponderExcluir
  8. Católicos, colonizados por portuguêses, ditadura militar... cara, somos um povo fudido.

    ResponderExcluir
  9. Eu cliquei no link e comentei tb..rs

    Bom eu acredito q o voto deveria ser facultativo sim. Pois votar no menos pior como vc disse é deprimente

    ResponderExcluir
  10. Bem... sempre achei importante a política. Não acho que voto branco ou nulo ajude alguma coisa, afinal, eles não são contados como válidos. Portanto, todo aquele discurso de "devemos anular ou votar em branco para mostrarmos nossa indignação", não serve aqui.
    Eu li sobre uma pesquisa que a maioria dos brasileiros votariam se não fosse obrigatório. O Presidente do TSE disse que no futuro próximo as eleições deverão ser facultativas. E não gosto de generalizar. Eu acredito que no meio da corja de corruptos, sempre há alguém com boas intenções.
    Mas, enfim. Apesar de tudo, concordo com você que o voto deve ser facultativo.

    ResponderExcluir
  11. Nossa que Dama brava e ácida!!
    Minha querida você ja pensou em tosqueira maior do que "Gretchen" se candidatando, pois bem ai vai... Aqui no meu municipio tem uma "tal Pepita" que usa o slogan "vote em mim que anoto no caderninho pra pagar depois"...Detalhe ela é prostituta de ofício! hahahahahahahahaha!
    Bj
    Quanto aos links, clico até naqueles que vc não pediu hahaha

    ResponderExcluir
  12. Não sei se o voto facultativo adianta alguma coisa: continuaremos com inúmeros candidatos para algum cargo proporcional - vereador e deputados estadual e federal - e isso é que atrapalha.

    Aqui em Porto Alegre, tem cerca de 300 candidatos a vereador - acredito que muito mais, mas prefiro chutar por baixo. Imagina: mesmo com voto facultativo, continuaria a mesma porcaria, já que os que já possuem mandato e/ou os que possuem mais grana teriam mais tempo para falar sobre suas propostas.

    O que deve ser feito é o voto distrital, em que cada região da cidade/estado terá um representante. Assim fica mais fácil. Mas os que fazem as leis não vão querer, porque serão "votos cegos" perdidos.

    Ou então, uma qualificação melhor para quem quiser ser candidato, como cursos de preparação política, algo assim.

    Ah! Tem os que falam que com o voto facultativo a população continuará não vendendo votos. Piada. Vai continuar na mesma merda.

    É uma questão complicada, mas que dificilmente sairemos com uma resposta definitiva.

    Beijo e desculpa o "post-comentário".

    ResponderExcluir
  13. A tbm optei por nao voltar.
    Esse ano nenhum candidato me agrada.
    Tipo votar por votar nada a ver ne?
    Quero é aportar com minha cidade
    ;*

    ResponderExcluir
  14. Esse assunto dá pano pra manga, né?! Só lendo os seus comentários percebi diversas opiniões diferentes... Completamente opostas... Concordo um pouco com cada uma delas, embora possa parecer impossível isso. Sei lá, às vezes me acho meio maluco mesmo... :)

    É isso... Mais tarde vou lá votar. TEM que ir, né?!

    ResponderExcluir
  15. Bom, eu sou da mesma opinião que Você.
    E na real, teria mais outras mil idéias para modificar a forma de fazer o processo acontecer, desde a eleição até a prestação de contas anual, pós-eleição.
    Estive no link, dei uma boa olhada, fucei ehehhe, pois é a coisa mais certa seria aprovar o voto facultativo. Mas isso não deverá acontecer tão cedo nesta polítt-tica nacional nojenta e atrasada, feita de currais.
    Uma pena. Mas só o fato de hoje em dia existir a possibilidade de justificar o voto, já ajuda em alguma coisa. É um sinal de que um dia pode mudar alguma coisa.
    Porém o que adianta isso se não vier acompanhado de uma série de mudanças, como vc mesma escreveu... se pra eu arrumar um emprego preciso de qualificação, pq pra ser vereador, deputado e até presidente pode ser qualquer zé mané, de bandido até corrupto?
    É como se à partir de amanhã os hospitais começassem a contratar doentes para cuidar de pessoas com saúde, serralheiros para substituir cirurgiões, açougueiros como enfermeiros... sem desmerecer nenhuma profissão das citadas.
    Enfim... acho até que deveria haver segundo turno pra vereador hehehe ou que houvessem muito menos candidatos, muito mais critério na escolha dos candidatos e claro, preparo de anos para que o sujeito pudesse arriscar a carreira políti-tica.
    Dama.. às vezes um post tem menos comentários pq a semana, ou aquele dia em especial foi mais corrido. Ou o assunto não dá liga como a gente pensa não é? Mas achei bacana vc querer saber, entende o que houve!! Eu achei o assunto bacana e necessário, porém pode ser que o efeito psicológico tenha atuado, por ser um post menor... relacionando-o com outro blog e tals..

    ENFIM, bom domingo pra Vc amiga realmente alta e importante!
    Um grande beijo, melado de gloss e carinho!

    ResponderExcluir
  16. Muita gente fica tão chateado por votar obrigatoriamente que não se preocupa com a qualidade dos canditatos... nessa época do ano eu sinto vergonha de ser brasileira pq eu vejo massas votando em candidatos completamente ignorantes e que não sabem nem do que estão falando..

    eu já vi vereador promentendo coisas que estão no nível governamental... e o povo acredita!!!


    dá até um certo desespero isso...

    ResponderExcluir
  17. então. como se falar em democracia se há a obrigatoriedade do voto? paradoxal não?

    Tenho certeza que as eleições seriam menos papagaiadas se não fosse obrigatório. Porque o comportamento é o seguinte:
    "saco! tenho que ir votar, pois só por isso voto em qualquer um".

    Poucos conhecem de fato seus candidatos, muitos recebem na véspera um scrap com o número do fulado.

    Dureza viu...

    ps. eu cliquei no link

    kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  18. Concordom plenamente que o voto deveria ser facultativo.Vota quem quer.Mas,vc há de convir como o brasileiro é comodista.Se depender do povo,ninguém vai votar.Falta sentimento de cidadania e patriotismo.Por outro lado...votat pra que?pra quem?Eu mesmo sendo politizada,não tenho resposta pra isso.
    Ótimo post.
    bjs

    ResponderExcluir
  19. O voto realmente deveria ser facultativo e, provavelmente, eu iria votar sempre pq eu até gosto do horário eleitoral... Mas q não tm jeito, isso não tem. O país é uma bagunça pq somos todos grdes bagunceiros. Então pq a política haveria de ser diferente?

    ResponderExcluir
  20. o voto facultativo é interessante
    mas faltou escreveres sobre o voto do povão ser movido a dinheiro

    dinheiro que será compensado durante a ocupação dos cargos...

    enfim
    triste realiade que vivemos...

    ResponderExcluir
  21. Dama querida, muita saudade, estive fora por impossibilidade física ( viagens pesadas, se me entendes ).
    Pelo jeito não mudaste nada, reclamando de 39 comentários.
    Vê se pode!
    Voto facultativo, não!
    Voto nulo obrigatório.
    beijo

    ResponderExcluir
  22. Fui votar, me decepcionei com os candidatos q vão para o 2º turno e o voto do 2º turno será nulo!

    ResponderExcluir
  23. Que isso, hein Dama! Arrasou na cantada!!!


    Beijossssssssss

    ResponderExcluir
  24. Entrei no link, e me assustei com o resultado dos paises!

    Vivendo a aprendendo, rsrs!

    Sabe, o idiota aqui, euzinho, achou que o voto era obrigatório no mundo inteiro. (Ai, Cristo, que vergonha!)

    ResponderExcluir
  25. assimo em baixo. quando vc vai atrás de um emprego eles exigem uma série de qualificações, e pra governar o país só precisa ser cara-de-pau.

    ResponderExcluir
  26. ah, política é algo realmente deprimente.
    eu estava comentando com um amigo meu, e ele falava que era ótimo eu ainda não ter tirado meu título, pois era menos uma preocupação.
    daí ele disse que era obrigado a votar já.
    depois eu disse que se não fosse obrigação, as pessoas não votariam. mas, se fosse opcional, eu acho que as pessoas votariam como um DIREITO e não uma OBRIGAÇÃO. e por isso que votam por "eliminatórias".
    certo?
    ohiaohshoi
    bjs.

    ResponderExcluir
  27. Eu votei nulo, foi-se o tempo em que eu tinha fé nos políticos.

    Sou apartidária e com prazer!

    Beijocas.

    P.S.: Ei cliquei no penúltimo post, leu meu coment?

    ResponderExcluir
  28. Eu cliquei, eu cliquei!!!

    E também sou a favor do voto facultativo, porém... não tenho certeza se no Brasil ele mudaria as coisas para pior ou para melhor... será que não haveria um risco ainda maior de, com o voto facultativo, os candidatos mais safados levarem vantagem. Bom, acho que já é assim atualmente... talvez a mudança seja positiva mesmo.

    Valeu.

    ResponderExcluir
  29. Olá!Gostei muito deste post. Também sou a favor do voto facultativo. O problema é que no Brasil a obrigatoriedade de votar é o que mantém a eleição, se nao fosse por isso quem iria às urnas para votar em políticos corruptos?Triste realidade.Eu mesma ficaria em casa e não iria votar. Ah! Gostei do link. Muito interessante conhecer sobre o sistema de votos em outros países. Bjos e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  30. Concordo, devia mesmo ser facultativo.
    E eu cliquei no link, caso exista algum tipo de macumba e/ou trabalho pra quem não clicar.
    Hahahahahaha!
    Beijos! Boa semana!

    ResponderExcluir
  31. Pois é, concordo...
    Se nós realmente vivemos em uma democracia, será q não deveríamos tb escolher entre votar ou abster-se do voto?
    Mas o mais chato msm é ficar o domingo inteiro trabalhando como mesário e tal... Nessas eleições tive q ficar d Presidente de Mesa... aiai...

    Bjus!

    ResponderExcluir
  32. Só estranhei Austrália e Bélgica naquela lista dos obrigatórios, dama cinzenta!!
    O resto é só Terceiro Mundo! Bom, a Grécia já foi grande, no tempo de Platão, dos grandes filósofos e das mitologias. Hoje, dizem, é só um balneário turístico. Quanto aos demais, nós no meio, melhor nem falar.
    Observe que vivemos num país(?)muito estranho: no tempo da ditadura, o voto era proibido! Agora, é obrigatório! Sacanagem, não é mesmo, dama cinzenta?
    E um bjoooooooooo!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  33. Infelizmente, o sistema é assim.. trabalhamos 24 horas por dia exatamente para que uns poucos nos façam de gato e sapato. Mais infeliz ainda é não ter tempo para prestar atenção ao desenvolvimento do meu país. Uma vergonha, assumo. Ou sobrevivo, ou acompanho. Tem sido assim ultimamente...

    ResponderExcluir
  34. Bom, eu concordo contigo, naturalmente. Acho que quem acaba elegendo essa corja são os menos conscientes, e isso é deplorável! Claro que se fosse facultativo, se arranjaria um jeito de tentar manipular o pessoal para determinado candidato ganhar, mas isso é outra história, e as fraudes ficariam mais óbvias e a imprensa se encarregaria do resto. Acho que se isso é um direito, deveríamos "obtar"! Caso contrário eu considero uma obrigação! Olhei o site e só podia ser mesmo a maioria da América Latrina (segundo meu prof,. de História), ehhehe. É absurdo, não sei porque tanta relutência numa questão óbvia. Ou pior...sei...como está fácil para aqueles trastes, eles mantêm essa situação e nós aceitamos isso ridicularmente passivos. Será que o egoísmo é tanto que se esqueceram os protestos e manifestações a la Martin Luther King...ARGHH!!
    Bjoks.

    Fábio.

    ResponderExcluir

Eu sempre vou respeitar sua opinião, mesmo que não concorde com ela. Então, por favor, respeite a minha!

Comente com civilidade!

Se seu comentário foi recusado, certamente a explicação está aqui:

http://confissoes-femininas.blogspot.com/2011/07/comente-com-educacao.html